terça-feira, 27 de junho de 2017

Inefável


           Todas aguardavam ansiosas para a chegada de Margo. A jovem finalmente, tinha sido convidada para um passeio, pelo jovem mais garboso da cidade.
Jonas, era um grande paquerado e dono de um conversível que deixavam todas as moças assanhadas e os rapazes enciumados.
Só que Margo era moça exigente e aceitou aquele convite pelo único motivo, que era sentir os seus cabelos esvoaçando pelo vento, enquanto aquele carro corria pelas ruas mais agitadas da cidade.
Logo, que chegou do passeio, deparou-se com cinco pares de olhos femininos, cheio de expectativas e famintas por uma boa história. Uma delas não se contentou e logo perguntou:
— Então Margo como foi o encontrou com Jonas?
Margo, com aquele seu olhar de desdém, balançou os cabelos e foi caminhando para o quarto, mas respondeu as curiosas de plantão.
— Eu diria que foi um encontro...Inefável. Simplesmente inefável.

As moças se entreolharam sem entender o que a palavra significavam e enquanto se questionavam, uma sonora gargalhada de Margo era ouvida entre os cômodos da casa. 








c Roberta Del Carlo c

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Lixo

Uma vez, eu vi uma formosa rosa ser jogada na lata do lixo e fiquei com dó. Logo pensei no cuidado que aquela rosa teve para “viver” e qu...